<img height="1" width="1" src="https://www.facebook.com/tr?id=519162955443293&amp;ev=PageView &amp;noscript=1">
Marketing

4 itens de SEO que ajudam a tornar seu conteúdo encontrável

Conheça os quatro itens de SEO que ajudam a colocar seu conteúdo na primeira página do Google, espaço almejado por muitos e conquistado por poucos!

Carolina Garcia

Por Carolina Garcia
Gerente de Atendimento e Serviços na Hook e amante das artes.

Sabe o que as ferramentas de busca mais querem? A felicidade de seus usuários. E usuário feliz é aquele que encontra a melhor alternativa possível para a sua dúvida. Já falamos como o SEO contribui para o sucesso da estratégia de Inbound Marketing. Agora separamos quatro itens essenciais de SEO que ajudam a tornar seu conteúdo encontrável no Google, espaço almejado por muitos e conquistado por poucos.


1- Palavras-chave

A forma como o SEO entende as palavras-chave mudou. Antes, uma das recomendações para ser encontrado era repetir exatamente a mesma palavra várias vezes. Agora os mecanismos estão mais inteligentes, conseguem relacionar informações e sabem, por exemplo, que Barack Obama é o presidente dos Estados Unidos e não é mais preciso repetir 35 vezes o nome dele no texto. Resultado: a leitura fica bem mais natural.


- Faça uma boa pesquisa

Pesquise as palavras mais buscadas. Sabendo quais são os seus objetivos e onde você quer chegar, dedique um tempo para pensar sobre como as pessoas o procuram ou poderiam procurá-lo.

 

- Termos relacionados

Lembre-se das palavras-chave de cauda longa. Pense em diversas formas de pesquisar a mesma coisa. Palavras relacionadas têm muito mais força do que as pesquisadas sozinhas.

 

2- Títulos

Os títulos merecem a máxima atenção. Devemos ser criativos e pensar nas opções que atraem as pessoas ou devemos ser objetivos e focar apenas nos que vão satisfazer os mecanismos de busca? Nem em e nem outro. O ideal é unir os dois.

- Use os termos mais procurados
Não adianta fazer toda a pesquisa sobre as palavras-chave e depois não usá-las. Procure inserir a que representa a alma do texto no título, na meta description e, claro, no meio do conteúdo. Fazendo isso, aumenta-se as chances do post ser encontrado.

- Use títulos curtos
Os mecanismos de buscas odeiam títulos muito longos e as pesquisas mostram que as pessoas só leem a primeira e as três últimas palavras. Portanto, seja mais direto.

 

3- Experiência do usuário

Esse ponto é geralmente esquecido ou menosprezado. Não basta atrair, tem de manter a atenção do usuário. Se o seu conteúdo for bom, mas a experiência péssima, você perde sua audiência para um conteúdo pobre, porém bem apresentado. As pessoas querem as respostas rapidamente. Coloque o que ela procura no topo do site, ou ela vai embora.

Se as pessoas não ficam em seu site você é penalizado. Por isso, seja objetivo, organizado, use infográficos, imagens, enfim, faça a diferença.

- Cuide de seu site/blog
Você não pode chamar pessoas para uma festa, por exemplo, e quando os convidados chegam não tem música, comida ou estrutura alguma. Elas simplesmente irão embora. Portanto, tenha certeza de que seu site está bem estruturado, que as páginas abrem rapidamente, que os menus e a arquitetura de navegação estão claras. Faça com que seu site tenha uma navegação agradável.


4- Considere o mobile

Há um velho ditado que diz que o artista tem de estar onde o povo está. Segundo a HubSpot, 80% dos acessos à internet são via mobile. Portanto, considerar o seu conteúdo em celulares não é mais uma opção. Essa decisão vai impactar diretamente na sua capacidade de ser encontrável. Lembre-se de que você não está competindo só com conteúdo web, mas com aplicativos também.

- Não basta dar um jeitinho
Não é só traduzir o texto visualmente para que esteja legível e apresentável. Será que texto corrido é a melhor forma de transmitir essa ideia? Ou é melhor fazer um infográfico clicável, por exemplo? Você está lidando com a experiência. Lembre-se: a opinião dos usuários é o que realmente importa.

Para finalizar, vale ficar atento aos detalhes e ter em mente que SEO não é uma coisa só, mas sim um conjunto de pequenas ações. Reflita sobre todas e coloque-as em prática!

New Call-to-action